FRASE PARA REFLEXÃO

" Daqui a alguns anos você estará mais arrependido pelas coisas que não fez do que pelas que fez. Então solte as amarras afastesse do porto seguro. Agarre o vento em suas velas. Explore. Sonhe. Descubra". (Mark Twain)



sexta-feira, 9 de julho de 2010

HISTÓRIA DA E.E."PROF. FRANCISCO GONÇALVES VIEIRA"

A escola “Francisco Gonçalves Vieira” foi fundada em 1971 e está situada no bairro de Laranjeira, periferia deste Município, onde predominam indústrias e cuja população, na sua maioria migrante de outros estados, trabalham nessas indústrias e no pequeno comércio da região. O bairro carece de infra-estrutura, como meios de transporte e, como é comum nas periferias, faltam espaço e propostas de lazer para a juventude.

Além disso, os atuais problemas conjunturais de desemprego afetam a população e principalmente a juventude, que se vê obrigada a sair em busca de novas opções na cidade de São Paulo e arredores, o que, por vezes, faz com que o jovem abandone o curso por ter um acúmulo de dificuldades como: chegar no horário às aulas ou por atrasos no trânsito ou pelo horário de saída do emprego não ser compatível com o horário escolar e há também o cansaço físico devido à distância entre o local de trabalho e a moradia. A esses problemas pode ser somada a falta de perspectivas em relação ao futuro em que se encontra o jovem ultimamente, ocasionando um desânimo e falta de vontade de estudar.

Apesar dessas situações, a escola acaba sendo vista como uma das únicas saídas de lazer, ponto de encontro e espaço para a comunidade. O conhecimento da forma como sempre foi realizado na escola acabou perdendo seu significado.

É importante enfatizar que os diretores e professores dessa escola buscam um trabalho diferenciado, procurando motivar esse jovem a valorizar a escola como espaço de produção de conhecimento. Para alcançar tal objetivo estão sendo desenvolvidos projetos, com os seguintes objetivos: viabilizar meios para que o aluno possa desenvolver-se como cidadão crítico, analítico e agente participativo em seu meio social, valorizando e transformando quando necessário, às convenções do grupo em que está inserido. Esperando que esse desenvolvimento venha contribuir para reforçar sua auto-estima e ajudá-lo a integrar-se com sua família e ampliar o processo ao âmbito da comunidade. Desenvolver a capacidade de sintonizar-se com o presente e observar o contexto no qual está inserido e assim elaborar respostas pertinentes aos assuntos levantados nos meios sociais, políticos e culturais que vivenciamos no dia a dia.